.

terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

A primeira vez que andei de ônibus, sozinha em Recife.

Foi uma das coisas mais emocionantes da minha vida (tsaááa). Bem, eu mal conhecia o caminho e as paradas que devia descer, o importante era andar de cabeça erguida, afinal, eu tava com a farda do CMR. Então, fui pra parada que tem em frente ao Colégio, e o meu ônibus passou, quando eu tava no caminho. Aí eu fiquei esperando outro. Só que, eu não sei se sou só eu, mas eu nunca consigo enxergar os letreiros digitais dos ônibus, principalmente quando Recife se encontra nesse horário fresquinho, que é o MEIO DIA, mas mesmo assim, fiquei olhando pra direção que o ônibus deveria vir. Ainda bem que pediram parada e só quando ele parou, eu pude ler e confirmar que era o meu. Entrei, me achando. Desci na segunda parada e logo de imediato, o meu outro ônibus passou. Peguei toda orgulhosa também. E voltei o resto do caminho andando pra casa.
O negócio nem foi pegar ônibus sozinha, pela primeira vez, em uma das cidades mais violentas do país, sem saber o caminho direito. O fato era: EU TAVA DE FARDA.



Acho que me identifico com o ... cara (?) que está na terceira cadeira, do seu lado esquerdo. Risos.

4 Comentários:

Anna Beatriz disse...

kkkkkkkkkkkkkkk queria neem dizer que tá se achando porque tá estudando no colégio militar, adoooro!
beeijos Inhona :D

Thaís A. disse...

hahah, é HORRIVEL quando não dá pra ler o nome do onibus por causa do sol! haha, adorei, já até me acostumei de andar de onibus, ando todo dia! :B

Ada Lílian disse...

inhatemproblemas.com
você é loouca, mas parabéns!
KKKKKKKKKKKKKKK
mas a farda te protege ;)

Caah disse...

Nossa, tem mt tempo que eu não sei o que é andar de ônibus! Como é um colégio militar, é mt difícil como dizem? Obrigada pela visita :D

A primeira vez que andei de ônibus, sozinha em Recife.

4 comentários
Foi uma das coisas mais emocionantes da minha vida (tsaááa). Bem, eu mal conhecia o caminho e as paradas que devia descer, o importante era andar de cabeça erguida, afinal, eu tava com a farda do CMR. Então, fui pra parada que tem em frente ao Colégio, e o meu ônibus passou, quando eu tava no caminho. Aí eu fiquei esperando outro. Só que, eu não sei se sou só eu, mas eu nunca consigo enxergar os letreiros digitais dos ônibus, principalmente quando Recife se encontra nesse horário fresquinho, que é o MEIO DIA, mas mesmo assim, fiquei olhando pra direção que o ônibus deveria vir. Ainda bem que pediram parada e só quando ele parou, eu pude ler e confirmar que era o meu. Entrei, me achando. Desci na segunda parada e logo de imediato, o meu outro ônibus passou. Peguei toda orgulhosa também. E voltei o resto do caminho andando pra casa.
O negócio nem foi pegar ônibus sozinha, pela primeira vez, em uma das cidades mais violentas do país, sem saber o caminho direito. O fato era: EU TAVA DE FARDA.



Acho que me identifico com o ... cara (?) que está na terceira cadeira, do seu lado esquerdo. Risos.

4 comentários:

Anna Beatriz disse...

kkkkkkkkkkkkkkk queria neem dizer que tá se achando porque tá estudando no colégio militar, adoooro!
beeijos Inhona :D

Thaís A. disse...

hahah, é HORRIVEL quando não dá pra ler o nome do onibus por causa do sol! haha, adorei, já até me acostumei de andar de onibus, ando todo dia! :B

Ada Lílian disse...

inhatemproblemas.com
você é loouca, mas parabéns!
KKKKKKKKKKKKKKK
mas a farda te protege ;)

Caah disse...

Nossa, tem mt tempo que eu não sei o que é andar de ônibus! Como é um colégio militar, é mt difícil como dizem? Obrigada pela visita :D

  ©A guardiã de memórias - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo